Os símbolos do batismo

Sinal da cruz
É a identidade do Cristão. Traçada no peito e na testa significa que o batizando, pelo batismo, participa da morte libertadora de Jesus Cristo. Lembra a graça da redenção que Cristo nos proporcionou na cruz.

O óleo
Assim como o óleo penetra na pele da criança, Cristo penetra na vida da pessoa, em especial no seu coração (a unção é feita no peito), fortalecendo o ungido na luta contra o mal.

A vela
Acesa no círio pascal, significa que Cristo iluminou o batizado, que deverá ser “luz do mundo”. Simboliza a presença do Espírito na vida do batizando e a fé em Jesus ressuscitado. Acende-se uma nova luz, luz da graça, da fé, que deve ser conservada até o fim da vida pela vivência em Cristo. No batizado dos meus dois filhos nós usamos a mesma vela que foi usada no nosso casamento. A vela está guardada para que meus filhos possam usá-la no batizado dos nossos netos.

A veste branca
Expressa a pureza, a vida nova que recebemos no batismo e que agora vamos viver. Sinaliza que o batizado “vestiu-se de Cristo”, o que equivale a dizer que ressuscitou com Cristo.

A água
Simboliza purificação e vida nova. A água batismal nos lava do pecado original e nos torna filhos de Deus e membros da Igreja. A água é sinal da graça de Deus, que nos purifica totalmente.

O sal
Não mais usado hoje em dia, mas com significado muito bonito. Era costume, após a entrega da vela acessa, o Sacerdote colocar um pouquinho de sal na boca da criança. O sal representa o sabor com o qual o cristão deve temperar o mundo. O mundo necessita do sabor de Deus, e cada batizado tem a responsabilidade de ser “Sal da terra!”